Author: Carlos Muller
Date: 8 de outubro de 2021
Erros comuns ao sair navegar de barco

Seja um iniciante ou experiente, existem cuidados que o piloto deve tomar sempre antes de sair para navegar. Separamos alguns erros comuns que podem ser cometidos e comprometem a qualidade e diversão do passeio.

Não checar a previsão do tempo antes de sair com o barco

Esse é um dos principais erros comuns de quem já sabe navegar, afinal por considerar que consegue identificar quando o tempo está bom para uma navegação, muitos pilotos não checam a previsão do tempo antes de iniciar um passeio. Isso se torna perigoso, pois o tempo pode virar a qualquer momento e surpreender negativamente a viagem e a tripulação.

Não respeitar os limites da embarcação

Uma pequena lancha para passeios em águas abrigadas nunca deve se aventurar em mar aberto. Quando um barco navega fora das condições para as quais foi projetado, fica muito vulnerável às mudanças do tempo.

Os limites são em todos os sentidos: limite físico (de quanto a embarcação resiste a fortes ventos e fortes ondas), limites de tripulação (de colocar muito tripulantes, desrespeitando o limite de peso no barco), limite de velocidade (podendo provocar acidentes e complicações na embarcação).

Sair sem conferir o combustível

A regra básica da segurança manda calcular a quantia de combustível para ir e voltar e acrescentar um terço, como reserva. Se a soma der justo ou mais do que cabe no tanque, programe um reabastecimento no meio do passeio. Se der menos, ótimo. Mesmo assim, complete o tanque.

Ignorar os itens de segurança a bordo

Todo barco é obrigado a ter a bordo os equipamentos de segurança listados pela Marinha, em quantidade corresponde ao seu porte e categoria de navegação. É fundamental que os extintores, os coletes salva-vidas e os foguetes sinalizadores (quando necessários) estejam presentes em todos os passeios e com a data de validade no prazo certo.

Descuidar das manutenções preventivas

Quem faz parte da vida náutica, precisa conhecer a importância em manter a manutenção preventiva em dia. A revisão de alguns itens como motores e geradores são de extrema relevância para evitar danos ao barco e assegurar a proteção dos tripulantes. Logo, inspecionar as válvulas do casco, anodos, vigias, tanques, filtros, instalação elétrica, reparos e limpezas é essencial.

Não consultar cartas náuticas

Mesmo que você conheça muito bem o caminho, o ideal é ter um GPS com chartplotter, que mostrará a região e apontará o rumo direitinho. Mas, por mais modernos que sejam, GPSs também podem pifar, e no meio do passeio — nesse caso, você precisará contar com as velhas e boas cartas náuticas de papel. Tenha também.

Categories:
Tire suas dúvidas

Confira perguntas e respostas frequentes